O objetivo da economia doméstica é transformar a atividade de poupar em um hábito, evitando, o desperdício e incentivando o consumo sustentável. 

Principais dicas: controlar entradas e saídas, utilizar planilhas, fazer planejamento para gastos altos específicos (como viagens, financiamentos, etc), poupar água e energia elétrica, fazer corte de gastos desnecessários, comparar preços antes de comprar, preferir pagamentos à vista,  ter uma fonte de renda extra.

Nesse último ponto, entra e ideia de começar a empreender, abrir um pequeno negócio para ter renda extra. O que é preciso o público saber: 

– quais serão os gastos inicias para abrir um pequeno negócio?

– quais são as melhores opções de negócios para quem deseja começar do zero?

– vale a pena ter um negócio familiar? Quais as vantagens e desvantagens?

– como se planejar financeiramente para não ter prejuízos?

– como elaborar planos para médio e longo prazo?